terça-feira, 20 de novembro de 2012

Gilberto Almeida sob a ótica das crianças



De Gilberto Almeida
O futuro é uma pequena vila


O futuro é uma pequena vila
com simpáticas vielas,
chão de pedra, de amor e de argila,
e esperanças a olhar das janelas

O futuro é uma pequena vila
que alguém arrumou pra nós:
tão gostosa, serena e tranquila
e um cantinho pra estarmos a sós.

O futuro é uma pequena vila
com mesa posta - e vazia -
aguardando que venha pedi-la
quem com ela sonhou um dia.

O futuro é uma pequena vila
que descansa a nossa espreita.
Nossa mente por ela desfila;
no futuro, indolente, se deita.

E o futuro é uma pequena vila
a que iremos fazer jus,
mas por ora o futuro cintila
enquanto espera por nossa luz!

Um comentário:

  1. Nossa, Gerlane. Fiquei emocionado. Parabéns, crianças, e obrigado pelo carinho!

    ResponderExcluir

Obrigada por participar deste blog.Volte e comente sempre!!!
Aqui você vai encontrar "Aquele Poema".