sexta-feira, 15 de março de 2013

Homenagem Poética



De Carlos Pedala
Vento de nuvens
Um poema para Gerlane Fernandes


Hoje é o mundo moderno
Da antiga folha do caderno
As letras saltam e ganham vida
Nessa estrada comprida,
ou melhor, avenida
Que é a Internet

Gerlane Fernandes é lá da Bahia,
Mais precisamente de Juazeiro,
Terra cantada pelo Rei do Baião,
O inesquecível Gonzagão,

Ela solta balões de poesia,
Mas não só em São João
Ora, apenas ensinar é pouco
Para quem olha os céus
e vai com o vento a vagar
Ela é a própria matéria da poesia,
Tão concreta como nuvens e sonhos.



Um belíssimo presente do poeta Carlos Pedala, amigo e admirador do projeto Aquele Poema.

2 comentários:

  1. Maria Ivoneide Juvino de Melo15 de março de 2013 17:16

    Mais uma vez venho parabenizá-la pelo projeto, querida professora Gerlane Fernandes, é de suma importância e valia esta bela homenagem tão bem merecida do poeta Carlos Pedala a vc ! abçs

    ResponderExcluir

Obrigada por participar deste blog.Volte e comente sempre!!!
Aqui você vai encontrar "Aquele Poema".